ARTISTAS FUTEBOL CLUBE

Esta é uma foto que retrata um passado em que mostra a importância fundamental do futebol àquela época… O ‘clube dos artistas’ quer dizer a reunião de artífices que trabalhavam nas mais variadas profissões: sapateiro, alfaiate, pintor de paredes, pedreiro, etc.

(FONTE: Foto do acervo de Cyro Mascarenhas e texto de Edson Chiacchio Chiacchio in Facebook )

Anúncios

ESTÁDIO ALBERTO PASSOS

Fachada do Estádio Alberto Passos, construído pela administração da Santa Casa de Misericórdia e mantido com recursos financeiros obtidos na venda dos ingressos para os jogos ali permitidos.
(Fonte: @HISTÓRIADECRUZDASALMAS)

NEGO TIM, CAMPEÃO BAIANO DE FISICULTURISMO

Em 1964, nasce em Cruz das Almas aquele que viria a ser uma das grandes referências do fisiculturismo baiano: Washington Antônio dos Santos, o Nego Tim.

De família humilde, praticante do atletismo, o esportista precisava ganhar massa muscular. Então, para aperfeiçoar seu condicionamento físico, aos 22 anos de idade,  ele improvisou uma academia no quintal de casa com equipamentos feitos de madeira. Havia também uma área de aquecimento onde, munido de uma revista especializada, fazia exercícios preliminares.

E, dessa forma, Nego Tim descobriu sua paixão pela musculação, deixando o atletismo de lado e se tornando Campeão de Fisiculturismo, com alguns títulos na carreira:

  • Em 1988 foi Campeão de Interior – Categoria Média.
  • Em 1988, 1989 e 1990 foi Tri-Campeão da Copa Leste-Oeste Categoria Média.
  • Em 1990 foi Campeão Mister Capital – Categoria Média.
  • Em 1991 foi Campeão Gran Prix – Categoria Média.
  • Em 1992 foi 3° colocado Campeonato Brasileiro – Categoria Média.
  • Em 1992 e 1993 foi Bi-Campeão Olimpico – Categoria Livre sem Limite de Peso.
  • Em 1992 e 1993 foi Bi-Campeão Baiano – Categoria Meio Pesado.
  • Em 1995 foi Campeão Baiano – Categoria meio Pesado.
  • Bi-Campeão Baiano Exercício Básico.
  • Bi-Campeão Norte-Nordeste.

Nego Tim 1

(FONTE: http://academiabemestarfitness2.blogspot.com.br/2011/11/homenagem-washington-antonio-dos-santos.html )

PARATLETA CRUZALMENSE BUSCA NOVO RECORDE NA COPA BRASIL

Sarah

Entre os dias 17 e 19 de junho de 2016, a cruzalmense Sarah Oliveira disputou no Rio de Janeiro a 2ª etapa da Copa Brasil de Paraciclismo. Este evento, em clima olímpico, ocorreu nos Arcos Olímpicos do Parque Madureira. A cada etapa, Sarah vem melhorando o seu desempenho e mantendo o 1º lugar nas duas provas disputadas (CRI Contra Relógio e Resistência).

Em entrevista ao FOLHA DO ESTADO, Sarah contou que está feliz com os resultados, mas que precisa melhorar ainda mais a marca. “Estou correndo com os melhores atletas de alto rendimento do nosso país, porém preciso melhorar a minha bicicleta, pois ela pesa o dobro das bikes dos outros atletas e isso está me fazendo sentir dores fortes. Situação que acaba prejudicando meu rendimento que poderia ainda ser bem melhor”, disse.
A atleta aproveitou também para pedir o apoio de empresários e amigos que estejam interessados em ajudar a mesma a adquirir uma bicicleta adequada para competir de igual para igual com os outros atletas de alto rendimento. “Estou muito confiante que breve irei conseguir esse novo equipamento para poder assim melhorar minha marca a cada prova e com isso representar melhor minha cidade e claro o meu estado”, afirmou Sarah.
Enquanto a nova bike não chega, Sarah segue se preparando para a disputa das próximas etapas da Copa Brasil, em São José, Santa Catarina, de 14 a 16 de outubro e a grande final no dia 27 de novembro na cidade de Aracaju, Sergipe.
Empresários que desejarem patrocinar a atleta Sarah Oliveira e ajudá-la na troca do seu equipamento podem entrar em contato através dos tel: (75) 98245-5556 e (75) 99183-5755.
(FONTE: Jornal Folha do Estado / Foto: Jairo Vieira/Facebook) 

SERTÃO, CAMPEÃO MUNDIAL DE BOXE.

Sertão

Valdemir dos Santos Pereira, nascido em Cruz das Almas em 15 de novembro de 1974. Apelidado de Sertão, é um pugilista brasileiro e campeão mundial de boxe na categoria “pena”.

Como amador, representou o Brasil nos Jogos Olímpicos de Verão de 2000 em Sydney, na categoria de Peso Pena. Venceu a primeira luta contra o australiano James Swan mas foi derrotado na segunda pelo turco Ramazan Palyani.

Conhecido como “Sertão”, se profissionalizou em 2001 e foi campeão mundial dos penas pela Federação Mundial de Boxe após vencer por pontos o tailandês Fahprakorb Rakkiatgym em 21 de janeiro de 2006 em Mashantucket, Estados Unidos. Em sua primeira defesa do cinturão cinco meses depois, em 14 de maio, perdeu seu título para o norte-americano Eric Aiken quando foi desqualificado no oitavo assalto.

Tentou uma luta revanche contra Aiken em março de 2007 mas um exame de saúde impossibilitou a luta. Abandonou o boxe e retornou a sua cidade natal.

Cartel
Lutas 25
Vitórias 24
Vitórias por nocaute 15
Derrotas 1
Empates 0

(FONTE: https://pt.wikipedia.org/wiki/Sert%C3%A3o_(pugilista))