A FANTÁSTICA HISTÓRIA DA SUERDIECK EM CRUZ DAS ALMAS E NA BAHIA – PARTE 3

 Armazém da Suerdieck, parte do prédio onde hj é o SupermercadoTodo Dia
Armazém da Suerdieck, parte do prédio onde hj é o SupermercadoTodo Dia

Suerdieck fecha sua última fábrica de charutos

O ano é 2000 e a maior produtora de charutos e cigarrilhas do Brasil, a Suerdieck, instalada na Bahia havia 106 anos, fechou sua última unidade, na cidade de Cruz das Almas, dispensando os cem funcionários. Desde o inicio dos anos 90 a empresa vinha passando por dificuldades financeiras, acumulando um passivo bancário próximo dos R$ 20 milhoes.Mesmo com a crise, a Suerdieck produziu no ano passado cerca de cinco milhoes de unidades, bem mais que a segunda maior charuteira baiana, a Menendez-Amerindo, que fabricou cerca de 3,5 milhoes.

Os problemas da Suerdieck foram provocados por falta de capital de giro para financiar a lavoura de fumo. Isso levou ao fechamento da unidade da cidade de Maragogipe em 92. Mas a situaçao se agravou com os sucessivos prejuízos da Agro Comercial Fumageira, outra empresa do grupo (que chegou a empregar mais de cinco mil pessoas até o final dos anos 80) responsável pela produçao do fumo usado na confecçao dos charutos e cigarrilhas. Na ano passado, o grupo nao conseguiu plantar fumo, alugando seus campos para outras empresas do setor.

Nenhum diretor da Suerdieck quis comentar sobre o fechamento da fábrica de Cruz das Almas para informar se o grupo vai encerrar definitivamente suas atividades. A empresa foi criada por uma família de alemães que se instalou no Recôncavo Baiano no século passado, quando a Bahia iniciou um intenso intercâmbio comercial com a Alemanha.

Ao longo dos últimos cem anos, Suerdieck virou sinônimo de qualidade, produzindo um charuto fabricado artesanalmente, apreciado, principalmente, na Europa, e comparável aos famosos cubanos. No ano passado a Bahia produziu cerca de 3,5 mil toneladas de fumo e dez mil unidades de charutos e cigarrilhas.

As vendas externas de fumo e charutos chegaram aos US$ 20 milhões e os produtores esperam um aumento de 20% esse ano.

(FONTE: http://www.dgabc.com.br/Noticia/276356/suerdieck-fecha-sua-ultima-fabrica-de-charutos)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s